• (64) 3621-4336
  • dept_atendimento@sethoresg.com.br

"Relacionamento veio para ficar", diz Bolsonaro sobre escritório comercial do Brasil em Jerusalém

02-04-2019

"Relacionamento veio para ficar", diz Bolsonaro sobre escritório comercial do Brasil em Jerusalém
 
Presidente anunciou abertura do escritório no domingo (31), primeiro dia da viagem oficial a Israel. Ele ainda disse que enviou medidas ao Congresso e que confia na 'resposta' dos parlamentares.
 
 

Presidente Jair Bolsonaro fala a investidores brasileiros e israelenses nesta terça-feira (2) — Foto: Reprodução/GloboNews

Presidente Jair Bolsonaro fala a investidores brasileiros e israelenses nesta terça-feira (2) — Foto: Reprodução/GloboNews

 

O presidente Jair Bolsonaro disse nesta terça-feira (2), em um evento com empresários israelenses, que a abertura de um escritório comercial do Brasil em Jerusalém mostra que o relacionamento entre os dois países "veio para ficar".
 
"Como há pouco nos tornamos noivos, no bom sentido, abrindo aqui uma representação nossa de negócios e tecnologia, de pesquisa, de inovação em Jerusalém, os senhores começam cada vez mais a notar que esse nosso relacionamento veio para ficar", afirmou o presidente.
 
 
Jair Bolsonaro fala a empresários no terceiro dia de visita a Israel
Jair Bolsonaro fala a empresários no terceiro dia de visita a Israel
 
O presidente anunciou a abertura do escritório no domingo (31), primeiro dia da viagem oficial a Israel. A medida não foi bem recebida pela Autoridade Palestina, que chamou de volta para consultas o embaixador no Brasil.
 
Durante seu discurso no evento, Bolsonaro buscou ressaltar que o Brasil é um bom negócio para investidores. Ele citou a biodiversidade do país e a chegada de "novos tempos", em referência ao início de seu governo.
 
"Novos tempos, novos horizontes. Estamos a disposição dos senhores empreendedores, os senhores que querem investir no Brasil. É a certeza que serão bem acolhidos, serão bem tratados e que poderão confiar em novo trabalho", disse Bolsonaro.
 
Ele também destacou que o governo está "fazendo a sua parte", enviando medidas para o Congresso. Sem citar nenhuma proposta específica, o presidente disse que confia na responsabilidade do Congresso em dar uma "resposta".
 
"Estamos fazendo a nossa parte. Propostas foram encaminhadas ao parlamento. Tenho certeza que o nosso parlamento, com a sua responsabilidade, com o seu patriotismo nos dará uma resposta a isso. Outras medidas estamos tomando, como reformas", completou Bolsonaro.
 
Escritório
 
Em entrevista a jornalistas na manhã desta terça, em Tel Aviv, o porta-voz da Presidência, Otávio Rego Barros, afirmou que o Brasil não é o único país a fazer aproximação com a cidade de Jerusalém.
 
Regô Barros foi questionado sobre o objetivo do país de criar um escritório em Jerusalém, uma vez que o empresariado de Israel se concentra Tel Aviv.
 
"Não só o nosso país está realizando esse tipo de aproximação com a cidade de Jerusalém caracterizando aspectos comerciais, científicos e tecnológicos. De forma que dentro dessa 'vibe' nosso escritório assim operará aqui”, declarou o porta-voz.